Endolaser

Endolaser

Endolaser

Com o auxílio de um ultrassom guiando o procedimento, uma fibra óptica é inserida dentro da veia doente liberando uma luz infravermelha fazendo com que a veia contraia e feche, eliminando as complicações que ela causava. O tratamento é minimamente invasivo e substitui a retirada tradicional da veia safena.

É indicado que somente após o desaparecimento dos roxinhos/hematomas possa tomar sol. Mesmo nesse caso é fundamental o uso de protetor solar.

Não é necessário repouso após o tratamento de endolaser. Com o avanço dos tratamentos vasculares, orientamos ao paciente que retorne suas atividades para estimular a circulação venosa.

Caso o paciente tenha diabetes contolada e sem qualquer complicação infecciosa no momento, pode ser realizado, sim.

Esse tipo de procedimento é indicado para quem possui doença nas veias safenas e varizes após exames clínicos e avaliação médica.

O tratamento pode ser realizado por meio de anestesia local ou por bloqueio locorregional ( feito por médico anestesista). O paciente não sente dor.

Os tratamentos invasivos para varizes são contraindicados durante a gravidez por não haver estudos que comprovem segurança para mãe e bebê.

Destaques